em 


Opções Avançadas

Outros Formatos

 

Outros Livros da Série
Freud



A INTERPRETAÇÃO DOS SONHOS

Sigmund Freud

Tradução de Renato Zwick

Tradução do alemão de Renato Zwick
Revisão técnica e prefácio de Tania Rivera
Ensaio biobibliográfico de Paulo Endo e Edson Sousa

Outros Formatos
Formato 14x21
736 páginas
ISBN 978.85.254.3359-6

R$ 72,90



ALÉM DO PRINCÍPIO DE PRAZER

Sigmund Freud

Tradução de Renato Zwick

Revisão técnica e apresentação de Tales Ab’Sáber; ensaio biobibliográfico de Paulo Endo e Edson Sousa

Coleção L&PM E-books
Formato ePub
144 páginas
ISBN 978.85.254.3450-0

R$ 19,90



ALÉM DO PRINCÍPIO DE PRAZER

Sigmund Freud

Tradução de Renato Zwick

Revisão técnica e apresentação de Tales Ab’Sáber; ensaio biobibliográfico de Paulo Endo e Edson Sousa

Outros Formatos
Formato 14x21
144 páginas
ISBN 978-85-254-3324-4
Também em e-book

R$ 32,90



CAIXA ESPECIAL A INTERPRETAÇÃO DOS SONHOS

Sigmund Freud
Tradução de Renato Zwick
Revisão técnica e prefácio por Tania Rivera
Ensaio biobibliográfico por Paulo Endo e Edson Sousa

Coleção L&PM Pocket
752 páginas
ISBN 978-85-254-2707-6

R$ 59,80



CAIXA ESPECIAL FREUD

Sigmund Freud
Tradução de Renato Zwick

Ensaio biobibliográfico: Paulo Endo e Edson Sousa

Coleção L&PM Pocket
ISBN 978.85.254.3311-4

R$ 88,60

Veja Mais

DA HISTÓRIA DE UMA NEUROSE INFANTIL [O HOMEM DOS LOBOS]

AUS DER GESCHICHTE EINER INFANTILEN NEUROSE [DER WOLFSMANN]

Sigmund Freud

Tradução de Renato Zwick

Revisão técnica e apresentação de Noemi Moritz Kon
Ensaio biobibliográfico de Paulo Endo e Edson Sousa

 

Uma aula de psicanálise

O relato freudiano do caso conhecido como o Homem dos Lobos está entre os mais célebres da história da psicanálise. É, de fato, o tratamento mais longo contado por Freud e, publicado originalmente em 1918 (tendo uma reedição aumentada em 1924), foi o último de seus grandes casos clínicos. Nele o autor relata os intrincados meandros da análise de um jovem adulto neurótico (Serguei Pankejeff era seu nome) cuja doença teria se originado numa psiconeurose infantil instalada aos três anos e meio, que por sua vez teria derivado de perturbações sexuais no segundo ano de vida. Na época da publicação deste texto, a importância (e até mesmo a existência) de uma sexualidade nas crianças era combatida inclusive internamente, por membros do movimento psicanalítico.

Embora escrito após o término de mais de quatro anos de análise (em 1919, depois da publicação, analista e paciente retomariam o trabalho por mais quatro meses), o que vemos aqui é praticamente um work in progress psicanalítico. Como outros relatos de casos clínicos, serve como exemplo prático das teorias e das descobertas freudianas, conferindo-lhes corpo e robustez e estabelecendo conceitos como o de fantasia primitiva, recalque e construção em análise.

 O sonho é mais uma vez reafirmado como instrumento de pesquisa fundamental do inconsciente, e por meio de um árduo trabalho analítico chega-se a nexos causais entre a psiconeurose do paciente adulto e da criança que ele foi, inclusive remontando a uma cena primordial (outro conceito que se tornaria crucial na psicanálise) – ter testemunhado uma relação sexual dos pais – ocorrida quando o paciente tinha um ano e meio. Nas palavras do próprio Freud: “Sustento que a influência da infância já se torna perceptível na situação inicial da formação das neuroses, ao codeterminar de modo decisivo se e em que ponto o indivíduo falha em dar conta dos problemas reais da vida”.

Tão ou mais importantes do que as conclusões, temos aqui os tortuosos e insuspeitos caminhos trilhados pela dupla paciente-analista. Eis o pensamento de Freud demonstrado em toda exuberância de suas possibilidades, exemplificando a nova compreensão por ele inaugurada sobre o ser humano, cujos sofrimentos psíquicos podem ser aliviados pelo processo de tornar conscientes, por meio da psicanálise, vivências inconscientes.

O prefácio de Noemi Moritz Kon mostra como o Homem dos Lobos se tornou um caso único na história da psicanálise, tendo Pankejeff sido acompanhado, tal um arquivo vivo, por membros da Associação Psicanalítica Internacional até sua morte.

Preço R$ 39,90

Informações Gerais

Título:

DA HISTÓRIA DE UMA NEUROSE INFANTIL [O HOMEM DOS LOBOS]

Título Original:

AUS DER GESCHICHTE EINER INFANTILEN NEUROSE [DER WOLFSMANN]

Catálogo:

Outros Formatos

Gênero:

Psicanálise
Não ficção

Série:

Freud

Cód.Barras:

9788525437020

ISBN-13:

978.85.254.3702-0

Formato:

14x21

Páginas:

192

Edição:

fevereiro de 2018

Vida & Obra

Sigmund Freud

Nasceu em Freiberg, na Morávia (hoje República Tcheca). Devido a problemas econômicos, sua família se mudou para a Aústria em 1860. Aos 17 anos, Freud ingressou na Universidade de Viena para estudar medicina. Em 1886, se casou com Martha Bernays e abriu uma clínica especializada em distúrbios nervosos, onde desenvolveu o princípio da psicanálise. No ano de 1900, foi designado professor na mesma universidade. Em 1938, refugiou-se com sua família em Londres, em função da perseguiç...

Leia um trecho em formato digital

Opinião do Leitor

Seja o primeiro a opinar sobre este livro

* O número de páginas dos livros da Coleção L&PM e-books é uma referência baseado no número de páginas dos livros impressos

voltar ir para o topo   imprimir página
 

Home    Quem Somos    Notícias    Mapa do Site    Fale Conosco    Podcast L&PM

Rua Comendador Coruja, 314 - Fone: (51) 3225.5777 - Fax: (51) 3221.5380 - Porto Alegre/RS - CEP 90220-180
Alameda Santos, 1470, cj 310 - Cerqueira César - Fone: (11) 3578.6606 - São Paulo/SP - CEP 01418-903

© 2003-2018 Publibook Livros e Papeis Ltda. - CNPJ 87.932.463/0001-70 - Powered by CIS Manager   Desenvolvido por Construtiva